logomarca laud arames
     
Classificação SAE
 
 



Classificação SAE

A Classificação SAE é um tipo de classificação de aços inventada pela Sociedade dos Engenheiros Automotivos dos EUA. Esta classificação é a mais utilizada no mundo para se identificar aços do tipo aço carbono e de baixa liga. Nela, os algarismos são sempre formados por quatro dígitos, sendo que os dois últimos representam os centésimos da quantidade de carbono, em portentagem, que há no material em questão. O primeiro dígito indica o tipo de aço e o segundo dígito indica suas variações.

Assim, quando uma classificação SAE começa com "1", ela está indicando que o material é um aço carbono; Quando começa com "2", indica que é aço níquel. Se o número que sucede o "1" for um "0", indica que o material é aço carbono comum, porém, se for um "1" indica que é um aço carbono com enxofre. Se o número que sucede o "2' for um "3", idica que é um aço com niquel entre 3,25% e 3,75%, porém, se for um "5" indica que contém níquel entre 4,75% e 5,25%. E assim por diante, seguindo as normas desta classificação.

Por exemplo:

Quando dizemos que um material é SAE 1010, estamos dizendo que é um aço carbono comum com 0,10% de carbono em sua composição.

Esta classificação também é adotada pela American Iron and Steel Institute EUA (AISI), por isso é muito comum encontrarmos esta classificação sendo denominada como SAE/AISI.

Aqui na Laud, trabalhamos com arames de aço carbono comum que atendem as classificações SAE 1004 à SAE 1020 (baixo teor de carbono); SAE 1045 (médio teor de carbono) e SAE 1057 à SAE 1072 (alto teor de carbono).

Abaixo segue uma tabela com algumas das composições químicas padronizadas pela classificação SAE.

 

Classificação SAE

 

 

 

LAUD INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ARAMES LTDA

Rua Atílo Simonetti, 68
Parque Industrial Araucária - Caieiras/SP
CEP: 07747-100
(11) 4441-3141